Downloadhttp://bigtheme.net/joomla Joomla Templates

Oração Sacerdotal de Jesus - João 17

INTRODUÇÃO

  1. a)Receber uma oração já e bom, quanto mais receber uma oração do próprio Cristo...
  2. b)Hb 4:15 Porque não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas; porém, um que, como nós, em tudo foi tentado, mas sem pecado.
  3. c)Jo 17 mostra a faceta do cristo intercessor;
  4. d)Jesus deixa muito claro a urgente preocupação com a nação dos santos; (ilustrar alguém que sai para Viajar)
  5. e)Além ensinar mistérios sobre oração;
  6. f)Ela é dividida em 03 blocos, Jesus ora por (Si, os discípulos e futuros crentes);

 

DESENVOLVIMENTO

1. Jesus orou por si mesmo. (v. 1,4-5)

    Neste texto temos Cristo Mostrando o modelo de um servo.

1.1 Jesus ora para que o pai lhe devolva a gloria que deixou quando veio ao mundo para morrer (v. 1-2,5) (Fp 2.6-8) Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a Deus, 7 Mas esvaziou-se a si mesmo, tomando a forma de servo, fazendo-se semelhante aos homens;   8 E, achado na forma de homem, humilhou-se a si mesmo, sendo obediente até à morte, e morte de cruz.

1.2  Jesus deixa claro que cumpriu a missão que o pai havia lhe dado (v.4-6);

1.3  Jesus dá testemunho que seus discípulos guardaram seus ensinos.

 

2. Jesus orou por seus discípulos. (v. 2-3, 6-24)

2.1 Enfatiza que estava orando não por todos, mas apenas pelos seus discípulos; (v.9)

2.2 Jesus pede que o Pai os guarde em sua ausência; (v.11-12)

2.3 Ora para que eles não venham desviar da Fé;

2.4 Jesus mostra em oração que mundo os odiaria por causa da palavra de Deus; (v.11)

2.5 Jesus pede que não os tire do mundo; (v.18)

2.6 O pensamento chave neste 2° bloco é Santificação, Jesus declara: “Eu lhes tenho dado a Tua palavra” (v.14), no v.17 ele afirma que somos santificados (separados por Deus) pela palavra. O sentido de ser santificado aqui não é ser perfeito, e sim a través da busca por Deus, nos tornarmos separados do mundo cada dia mais, isto que opera é o Espírito.

 

3. Jesus orou por nós, os que iriamos crer pela palavra da Igreja. (v.20)

3.1Jesus ora por unidade da Igreja; que todos os crentes fossem como um único corpo sob uma única cabeça, a visão de que somos pertencentes de uma única pátria celestial.

3.1.2 Jesus afirma que a unidade dos cristãos tem o poder de convencer o mundo de que Cristo é o Senhor; (v.21)

3.2 Unidade derrubando diferenças sociais, de raças, gênero e filosóficas;

3.3 Eu venço as ciladas do diabo em minha com a proteção da armadura de Deus, mas como igreja, vencemos através da unidade;

(Ef 4:3-6)  Procurando guardar a unidade do Espírito pelo vínculo da paz. 4 Há um só corpo e um só Espírito, como também fostes chamados em uma só esperança da vossa vocação;  5 Um só Senhor, uma só fé, um só batismo;  6 Um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, e por todos e em todos vós

3.4 A unidade por si dá testemunho de Jesus e do amor de Deus (v.23)

 

4. Unidade (heis= um) da Igreja.

4.1 Definição de comunhão: Associação com uma pessoa, envolvendo amizade com ela e incluindo  participação nos seus sentimentos, nas suas experiências e na sua vivência (1Co 10.16), Porventura o cálice de bênção, que abençoamos, não é a comunhão do sangue de Cristo? O pão que partimos não é porventura a comunhão do corpo de Cristo?

2) Relacionamento que envolve propósitos e atividades comuns; parceria; At 2.42-43  E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações.  E em toda a alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos.

4.2 Tipos de Unidade: Ação coletiva um único fim.

4.2.1 Unidade do Espírito santo

(Rm 12:16) Sede unânimes entre vós; não ambicioneis coisas altas, mas acomodai-vos às humildes; não sejais sábios em vós mesmos;

4.2.2 Unidade em Cristo

(Rm 12:5) assim também em Cristo nós, que somos muitos, formamos um corpo, e cada membro está ligado a todos os outros.

(Ef 5:30) Porque somos membros do seu corpo, da sua carne, e dos seus ossos.

4.2.3 Unidade em Oração

(2Co 1:10-11) Ele nos livrou e continuará nos livrando de tal perigo de morte. Nele temos colocado a nossa esperança de que continuará a livrar-nos, 11 enquanto vocês nos ajudam com as suas orações. Assim muitos darão graças por nossa causa, pelo favor a nós concedido em resposta às orações de muitos.

4.2.4 Benção decorrentes da Unidade.

(Sl 133:1-3) 1 Como é bom e agradável quando os irmãos convivem em união! 2 É como óleo precioso derramado sobre a cabeça, que desce pela barba, a barba de Arão, até a gola das suas vestes. 3 É como o orvalho do Hermom quando desce sobre os montes de Sião. Ali o Senhor concede a bênção da vida para sempre.

 

APLICAÇÃO

  1. a)Unidadedivergências
  2. b)Doutrinas centrais e doutrinas periféricas
  3. c)A multiforme graça de Deus

 

CONCLUSÃO

Perfeita Unidade:  (At 2:41-47)  De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; e naquele dia agregaram-se quase três mil almas,  42 E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações.

43 E em toda a alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos. 44  E todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum. 45 E vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister.  46  E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração, 47 Louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar.